105 trava-línguas muito difíceis de falar


Stella Sousa
Stella Sousa
Bacharel em Comunicação Social

Os trava-línguas são textos populares, passados de geração para geração. Em sua maioria, são frases e trechos que repetem conjuntos de vogais e consoantes que são mais difíceis de se falar em voz alta e rapidamente.

Confira os trava-línguas mais difíceis em português e inglês, e desafie seus amigos e familiares a repeti-los em voz alta. Garantimos que será super divertido!

Trava-línguas difíceis e longos

1. A pia perto do pinto, o pinto perto da pia. Quanto mais a pia pinga, mas o pinto pia. A pia pinga, o pinto pia. Pinga a pia, pia o pinto. O pinto perto da pia, a pia perto do pinto.

2. Não confunda ornitorrinco com otorrinolaringologista, ornitorrinco com ornitologista, ornitologista com otorrinolaringologista. Porque ornitorrinco é ornitorrinco, ornitologista é ornitologista, e otorrinolaringologista é otorrinolaringologista.

3. Esta casa está ladrilhada, quem desenladrilhará? O desenladrilhador que a desenladrilhar, bom desenladrilhador será!

4. O desinquivincavador das caravelarias desinquivincavacaria as cavidades que deveriam ser desinquivincavacadas.

5. Disseram que na minha rua, tem paralelepípedo feito de paralelogramos. Seis paralelogramos tem um paralelepípedo. Mil paralelepípedos tem uma paralelepipedovia. Uma paralelepipedovia tem mil paralelogramos. Então, uma paralelepipedovia é uma paralelogramolandia?

6. O bispo de Constantinopla é um bom desconstantinopolitanizador. Quem o desconstantinopolitanizar, bom desconstantinopolitanizador será.

7. A vaca rara ria. A paca rara ria. A para rara ria. A rata rara ria. A gata rara ria. A arara rara ria da rara aranha.

8. Se cada um vai à casa de cada um, é porque cada um quer que cada um lá vá. Porque se cada um, não fosse a casa de cada um, é porque cada um não queria que cada um fosse lá.

9. Sandro saiu sossegado assobiando samba e salsa. Sabia que Samanta e Silvia sabiam do sabiá de Sara. Sandro só não sabia que o sabiá de Sara se soltara sorrateiro sabendo que Samanta e Silvia sonhavam no sofá. A sábia sogra de Sandro, senhora séria, sabendo do sono de Sara e Samanta, segurou o serelepe sabiá salvando o sossego de Sandro. O sabido sabiá e a sábia sogra de Sandro sorriram. Sara e Samanta sonhavam. O sapeca sabiá sabia que o sossego de Sandro era sua sábia sogra.

10. O rato roeu a roupa do rei de Roma. O rato roeu a roupa do rei da Rússia. O rato roeu a roupa do rodovalho… O rato a roer roía. E a rosa Rita ramalho, doo rato a roer se ria. A rata roeu a rolha, da garrafa da rainha.

11. Sabendo o que sei e sabendo, o que sabes e o que não sabes, o que não sabemos. Ambos saberemos se somos sábios, sabidos ou simplesmente saberemos se somos sabedores.

12. O tempo perguntou ao tempo quanto tempo o tempo tem, O tempo respondeu ao tempo, que não tinha tempo de ver quanto tempo o tempo tem.

13. Bão, babalão, Senhor Capitão, espada na cinta, ginete na mão. Em terra de mouro, morreu seu irmão.

14. A espingarda destravíncula-pinculá. Quem destravíncula ela, bom destravíncula-pinculador será.

15. A sábia não sabia que o sábio sabia que o sabiá sabia que o sábio não sabia que o sabiá não sabia que a sábia não sabia que o sabiá sabia assobiar.

16. É crocogrilo? É cocodrilo? É cocrodilo? É cocodilho? É corcodilho? É crocrodilo? É crocrodilho? É corcrodilo? É cocordilo? É jacaré? Será que ninguém acerta o nome do crocodilo, mané?

17. Biblioteca, bicicleta sabrininha é sapeca bicicleta, biblioteca sabrininha come bisteca. Bistequinha da sabrina que anda de bicicleta e lê na biblioteca.

18. Pedro tem o peito preto. Preto é o peito de Pedro. Quem disser que o peito de Pedro não é preto, tem o peito mais preto que o peito de Pedro

19. O tatu tá ai? Sim, o tatu tá! Pede para o tatu sair até aqui fora! O tatu tá, tá, tá muito ocupado! Então, eu falo para você, tá! Tá, pode falar! O ta ta ta tatu tu tu tu tatatata tututu.

20. Lalá, Lelé e Lili e suas filhas, Lalalá, Lelelé e Lilili e suas netas Lalelá, Lelalé e Lelali e suas bisnetas Lilelá, Lalilé e Lelali e suas tataranetas Laleli, Lilalé e Lelilá cantavam em coro: “LÁLÁLÁLÉLÉLÉLILILI.”

21. Tal tatu tá tendo um treme traco troco treco por tramoia com a traquina da jiboia. E a jiboia que não boia, sempre zoia tal tatu com seu balaio, tal qual paca do soslaio.

22. Preciso ir e vir para pegar vai-e-vem. Me empresta vai-e-vem? Se vai-e-vem fosse e viesse, vai-e-vem ia, mas como vai-e-vem, vai e não vem, vai-e-vem não vai.

23. O doce perguntou ao doce, qual é o doce mais doce e o doce respondeu ao doce, que o doce mais doce, é o doce de batata-doce.

24. Compadre, compre pouca capa parda porque quem pouca capa parda compra pouca capa parda gasta. Eu pouca capa parda comprei e pouca capa parda gastei.

25. Maria-mole é molenga. Se não é molenga não é maria-mole. É coisa malemolente, nem mala, nem mola, nem Maria, nem mole.

Trava-línguas difíceis e curtos

26. O rio Capibaribe foi capibarizado. Quem capibarizou, foi o capibarizador.

27. Eu tagarelarei; Tu tagarelarás; Ele Tagarelará; Nós Tagarelaremos; Vós Tagarelareis; Eles Tagarelarão.

28. A aranha arranha a rã. A rã arranha a aranha. Nem a aranha arranha a rã. Nem a rã arranha a aranha.

29. Fui caçar socó, cacei socó só, soquei socó no saco socando com um soco só.

30. A Iara agarra e amarra a rara arara de Araraquara.

31. Num ninho de mafagafo, há 7 mafagafinhos. Quando a mafagafa gafa, gafam os sete mafagafinhos.

32. Quando toca a retreta na praça repleta, se cala o trombone, se toca a trombeta.

33. Chega de chão sujo de sujeira, chega de cheiro de cera suja, chega de chão sujo de cera.

34. Trate trinta e três trutas e traga três das trinta e três trutas tratadas.

35. Toco preto, porco fresco, corpo crespo.

36. Quem a paca cara compra, paca cara pagará.

37. Eu cantarolei; Tu cantarolarás; Ele cantarolará; Nós cantarolaremos; Vós cantarolareis; Eles cantarolarão.

38. A vaca malhada foi molhada por outra vaca molhada e malhada.

39. Tem uma tatu-peba, com sete tatu-pebinhas. Quem destatupebar ela, bom destatupebador será.

40. Três tigres tristes, para três pratos de trigo. Três pratos de trigo, para três tigres tristes.

41. O original, não se desoriginaliza. Se desoriginalizássemo-lo, original não seria.

42. Até que eram exíguas as exigências de Gisele.

43. Pinga tinta na vasilha vazia. A tinta pinga e pinta a pia da tia Tita.

44. Bota a bota no bote e tira o pote do bote.

45. Prato de pato assado, passado pasta de passas.

46. Quando toca a retreta na praça repleta, se cala o trombone, se toca a trombeta

47. A pipa pinga. Pinga a pipa, o pinto pia. Pipa pinga. Quanto mais o pinto pia, mais a pipa pinga.

48. Abadalado, Ababadado, Ababelado, Abobadado

49. Aranha, ararinha, ariranha, aranhinha.

50. Corrupaco, papaco, a mulher do macaco, ela pita, ela fuma, ela toma tabaco, no sovaco do macaco.

51. Minha mãe é de Jaguamimbaba, mas eu nasci em Jaguanambi.

52. No cume daquele morro, tem uma cobra enrodilhada. Quem a cobra desenrodilhá, bom desenrodilhador será.

53. No morro chato, tem uma moça chata, com um tacho chato, no chato da cabeça. Moça chata, esse tacho chato é seu?

54. O que é que Cacá quer? Cacá quer caqui. Qual caqui que Cacá quer? Cacá quer qualquer caqui.

55. Tinha tanta tia tantã. Tinha tanta anta antiga. Tinha tanta anta que era tia. Tinha tanta tia que era anta.

56. O seu Tatá, tá? Não, o seu Tatá não tá, mas a mulher do seu Tatá tá. E quando a mulher do seu Tatá tá, é a mesma coisa que o seu Tatá tá, tá?

57. O índio cutucou a taquara e a taquara cutucou o índio. O índio cacique indo tacurou a taquara indiana.

58. Larga a tia, lagartixa! Lagartixa, larga a tia! Só no dia que sua tia chamar largatixa de lagartixa.

59. Lá de trás de minha casa, tem um pé de umbu butando. Umbu verde, umbu maduro, Umbu seco, umbu secando.

60. Quem cara paca compra, paca cara pagará. Quem compra paca cara, pagará cara paca.

61. Olha o sapo dentro do saco. O saco com o sapo dentro. O sapo batendo papo. E o papo soltando o vento.

62. Um ninho de carrapatos, cheio de carrapatinhos, qual o bom carrapateador, que o descarrapateará?

63. Tecelão tece o tecido em sete sedas de Sião. Tem sido a seda tecida Na sorte do tecelão.

64. Debaixo da cama tem uma jarra. Dentro da jarra tem uma aranha. Tanto a aranha arranha a jarra, Como a jarra arranha a aranha.

65. Se o papa papasse pão. Se o papa papasse papa. Se o papa papasse tudo. Seria um papa papão.

66. Paraquedista brinquedista faz brinquedo paraquedista paraqueda brinquedista.”

67. Lá vem o velho Félix, com um fole velho nas costas. Tanto fede o velho Félix, como o fole do velho Félix fede.

68. A lontra prendeu a Tromba do monstro de pedra, e a prenda de prata de Pedro, o pedreiro.

69. Chupa cana chupador de cana na cama chupa cana chuta cama cai no chão.

70. O princípio principal do príncipe principiava principalmente no princípio principesco da princesa.

71. Pardal pardo, porqê palras? Palro sempre e palrarei. Porque sou Pardal pardo Palrador del-rei.

72. O bobo bebeu a baba. A boba bebeu a baba. O bobo babou a boba e a boba babou o bobo.

73. O dado dado ao doido doeu no dedo do doido e o doido, de dedo doído, doou o dado à Dadá

74. A Gigi já jejuou hoje e o João enjoou e jejuou junto.

75. O pato pintou a pata da pata e a pata, de pata pintada, pintou a pata do pato

76. Apronte a prata e com a prata pronta prateie o prato preto.

77. A melão melou a mala, a mala melou a mula e a mula melou a mola

78. O gago gagá aguou o gogó da águia com água.

79. A Lola lelé lia ali à luz da lua e a Lulu aluada lia lá.

80. A múmia má mima o mimo mau.

81. Era a arara aérea que arou a área na hora

82. A rã erra e rói na rinha, o réu erra e urra na raia, o rei erra e ri na rua

83. A boba baba. Beba a baba, boba. A baba baba a boba. Beba a baba, boba Biba. A Biba baba e o Buba baba.

84. O desinquivincavacador das caravelarias, desinquivincavaria as cavidades que deveriam ser desinquivincavacadas.

85. Um grego é gago, outro grogue é gagá. Tem um grego gagá E um grogue gago. Tem também um grego grogue e um gago gagá.

86. A vida é uma sucessiva sucessão de sucessões que se sucedem sucessivamente, sem suceder o sucesso…

87. Ao topar em três tigres tagarelas, três tatus ficaram tão atarantados qur tocaram terra na própria toca

88. Aos domingos, seu Domingos deixa as dívidas, deixa as dúvidas e só se diverJosé junta jabuticabas na jarra.

89. O filho do Sr. Floripes fabrica flores fabulosas e faz fortunas vendendo flores, vendendo rosas nas feiras de sextas-feiras.

90. Vovô de tanto vai e vem, de tanto vem e vai, vai casar com uma viúva. Uma uva, no inverno que vai, ou no verão que vem.

91. Um bode bravo é uma barra. O bode berra, o bode baba na barba.

92. O padre Pedro pega o prato e papa que papa, e quando o padre Pedro papa não para nem para o Papa. Dizem que praga do padre Pedro pega e prega.

Trava-línguas difíceis em inglês

93. Betty Botter bought some butter. But, she said, “the butter`s bitter, if I put in my batter it will make my batter bitter. But, a bit of better butterd`d make my bitter batter better. So, Betty bought a bit of butter better then her bitter butter. And she put it in her batter and the better wasn´t bitter. It was better Betty Botter bought a a bit of better butter.

94. Peter Piper picked a peck of pickled peppers. A peck of pickled peppers Peter Piper picked. If Peter Piper picked a peck of pickled peppers, Where's the peck of pickled peppers Peter Piper picked?

95. To sit in solemn silence in a dull, dark dock in a pestilential prison with a life-long lock, awaiting the sensation of a short, sharp shock from a cheap and chippy chopper with a big, black block.

96. How much wood would a woodchuck chuck if a woodchuck could chuck wood? He would chuck, he would, as much as he could, and chuck as much wood as a woodchuck would if a woodchuck could chuck wood.

97. A skunk sat on a stump and thunk the stump stunk, but the stump thunk the skunk stunk.

98. Through three cheese trees three free fleas flew. While these fleas flew, freezy breeze blew. Freezy breeze made these three trees freeze. Freezy trees made these trees’ cheese freeze. That’s what made these three free fleas sneeze.

99. A flea and a fly flew up in a flue. Said the flea, “Let us fly!” Said the fly, “Let us flee!” So they flew through a flaw in the flue.

100. As he gobbled the cakes on his plate, the greedy ape said as he ate, the greener green grapes are, the keener keen apes are to gobble green grape cakes.

101. Red lorry, yellow lorry

102. A loyal warrior will rarely worry why we rule.

103. Which witch switched the Swiss wristwatches?

104. She sells seashells by the seashore;

105. Give papa a cup of proper coffe in a copper coffe cup.

Veja também:

Atualizado em
Stella Sousa
Stella Sousa
Formada em Comunicação Social pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro e produtora de conteúdo digital desde 2014.