Ficar a ver navios


Ficar a ver navios é o mesmo que ser desiludido, enganado. A expressão também pode ser usada para dizer que uma pessoa ficou frustrada com algo que ela esperava e não aconteceu, que teve as expectativas quebradas.

Achei que ela voltaria para mim, mas fiquei a ver navios.

De onde surgiu a expressão ficar a ver navios?

A origem da expressão ficar a ver navios

A expressão tem origem portuguesa, surgindo durante à época dos descobrimentos. Ela é uma referência aos portugueses que ficavam no topo de um morro em Lisboa, na espera de que seu rei D. Sebastião, que havia desaparecido durante uma batalha na África, voltasse ao país.

Como o rei nunca regressou, frustrando assim os portugueses que acreditam em sua volta, surgiu a expressão "Estar a ver navios no Alto de Santa Catarina”, que depois foi resumida para “ficar a ver navios”.

Veja também: